Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2015 > Julho > Pagamento do BPC será antecipado em Benjamin Constant (AM)

Notícias

Pagamento do BPC será antecipado em Benjamin Constant (AM)

ASSISTÊNCIA SOCIAL

Medida beneficiará 822 idosos e pessoas com deficiência no município que está em estado de calamidade. Saque do Benefício de Prestação Continuada estará disponível a partir do dia 27 deste mês
publicado  em 08/07/2015 11h00

Brasília – Mais de 800 idosos e pessoas com deficiência de Benjamin Constant (AM) – município em estado de calamidade por conta de inundações – poderão antecipar o saque do Benefício de Prestação Continuada (BPC) a partir do dia 27 deste mês. A medida ocorre excepcionalmente quando há desastres naturais. No restante do país, o pagamento do BPC segue um calendário escalonado e é feito de acordo com o último número do benefício (excluindo o dígito).

Além do valor que poderá ser sacado no primeiro dia do calendário de pagamento, os beneficiários também têm a oportunidade de antecipar o valor de mais um benefício. Nesse caso, elas devem assinar o termo de opção no banco ou nos correspondentes bancários entre os dias 27 julho e 30 de setembro. Este valor será ressarcido ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em até 36 parcelas, sem juros.

Luanna Franco, da coordenação geral da Gestão de Benefícios do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), ressalta a importância da medida para as famílias. “Quando um município fica em situação de calamidade, as pessoas que recebem o BPC são os primeiros a ficarem mais vulneráveis e podem precisar desta antecipação de recursos para despesas pessoais”, afirmou.

O Benefício de Prestação Continuada é um benefício individual, não vitalício e intransferível, que assegura o repasse mensal de um salário mínimo ao idoso com mais de 65 anos e à pessoa com deficiência, desde que eles não possuam meios de garantir o próprio sustento, nem tê-lo provido por sua família.

Para receber o benefício, a renda mensal da família deve ser inferior a ¼ do salário mínimo por pessoa. Aproximadamente quatro milhões de pessoas são beneficiárias do BPC em todo o Brasil, sendo 2,2 milhões pessoas com deficiência e 1,8 milhões de idosos pobres.
 
Mais informações podem ser solicitadas no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do município ou pelo telefone 135, da Previdência Social.
 
Informações sobre os programas do MDS:
0800-707-2003
mdspravoce.mds.gov.br
 
Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021