Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2015 > Julho > PAA Leite contribui para segurança alimentar e nutricional de famílias de baixa renda

Notícias

PAA Leite contribui para segurança alimentar e nutricional de famílias de baixa renda

PROGRAMA DE AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS

Em junho, o MDS repassou R$ 5,7 milhões para Alagoas e Minas Gerais para o desenvolvimento da ação
publicado  em 01/07/2015 00h00

Brasília, 1º – Mais de 71 mil famílias de baixa renda de 118 municípios de Alagoas recebem leite para complementarem a alimentação. A estratégia, que garante a segurança alimentar e nutricional da população, faz parte do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), na modalidade Leite, do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). Neste mês, o ministério repassou ao estado cerca de R$ 5,7 milhões, o que beneficiou 4.551 agricultores familiares.

Outro estado parceiro do MDS no PAA Leite é Minas Gerais. São 3.282 agricultores familiares atendidos pelo programa que receberam em junho R$ 5,7 milhões. A modalidade atende mais de 90 mil famílias de baixa renda em 97 municípios mineiros.

O leite do PAA é destinado a entidades da rede de assistência social, unidades públicas de alimentação e nutrição e escolas públicas ou filantrópicas, contribuindo para o acesso a uma alimentação de melhor qualidade. O modelo garante ainda uma compra, a preço justo, do leite produzido pelos agricultores familiares, o que melhora a concorrência dos mercados.

Para desenvolver a modalidade, o MDS firmou convênios com oito governos estaduais, atendendo 477 municípios e mais de 21 mil agricultores. O produto é pasteurizado em laticínios cadastrados e, posteriormente, transportado para os pontos de distribuição. A família que recebe o leite deve ter, entre seus integrantes, crianças entre dois e sete anos, mulheres em fase de amamentação (até seis meses após o parto), gestantes e idosos a partir de 60 anos.

Informações sobre os programas do MDS:
0800-707-2003
mdspravoce.mds.gov.br

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021