Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2015 > Fevereiro > Cada vez mais famílias cumprem condicionalidades de saúde

Notícias

Cada vez mais famílias cumprem condicionalidades de saúde

BOLSA FAMÍLIA

No último semestre, mais de 9,1 milhões de famílias beneficiárias foram acompanhadas na rede de assistência à saúde em todo o Brasil
publicado  em 23/02/2015 20h00

O acompanhamento da saúde dos beneficiários do Programa Bolsa Família teve, no segundo semestre de 2014, o melhor resultado de sua série histórica. A rede do Sistema Único da Saúde (SUS) informou se mais de 9,1 milhões de famílias cumpriram o calendário básico de vacinação e o acompanhamento do crescimento e desenvolvimento das crianças menores de sete anos e se as gestantes realizaram os exames pré-natal.

“As condicionalidades auxiliam o poder público a identificar as famílias que estão em situação de vulnerabilidade social. O objetivo não é punir os beneficiários do Bolsa Família, mas fazer com que essas famílias tenham garantidos os seus direitos sociais básicos”, destaca a coordenadora-geral substituta de Acompanhamento das Condicionalidades do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Daniela Arsky.

Entre as crianças menores de 7 anos, das 5,6 milhões acompanhadas, 99% cumpriram o calendário de vacinação. Em relação às grávidas, das 227,7 mil identificadas, 99,1% estavam com o pré-natal em dia.

Tabela Acompanhamento de saúde Bolsa Família - 2º/2014
Daniela ressalta que esses resultados são fruto do trabalho em conjunto de toda a rede de assistência à saúde. “O MDS, em conjunto com o Ministério da Saúde, divulga o quantitativo das famílias que deverão ser acompanhadas. E os municípios fazem, durante seis meses, o acompanhamento das crianças e gestantes”, explica.

Para as famílias com dificuldade em cumprir as condicionalidades, pode haver efeitos no benefício do Bolsa Família, como bloqueios e suspensões. Os cancelamentos, porém, só ocorrem em último caso. Cabe ao poder público dar atenção especial às famílias em situação de reiterado descumprimento, desenvolvendo ações para acompanhá-las e auxiliá-las a voltar a acessar os serviços de educação e de saúde.

Informações sobre os programas do MDS:
0800-707-2003 
mdspravoce.mds.gov.br

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021