Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2015 > Agosto > MDS libera recursos para PAA Leite em três estados

Notícias

MDS libera recursos para PAA Leite em três estados

PROGRAMA DE AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS

Quase 180 mil famílias de baixa renda serão beneficiadas em Alagoas, Paraíba e Pernambuco
publicado  em 18/08/2015 14h00

Brasília – O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) liberou mais de R$ 10,5 milhões para pagamento de parcelas do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), na modalidade Leite. Neste mês, os estados de Alagoas, Paraíba e Pernambuco recebem R$ 2,6 milhões, R$ 1,9 milhões e R$ 6 milhões, respectivamente. No total, 10,8 mil agricultores familiares fornecerão leite para quase 180 mil famílias de baixa renda nos três estados.

No PAA Leite, o MDS tem convênios firmados com oito governos estaduais, atendendo um total de 511 municípios e mais de 21 mil agricultores. O leite adquirido da agricultura familiar é destinado a entidades da rede de assistência social, unidades públicas de alimentação e nutrição e escolas públicas ou filantrópicas. 

Além de contribuir para que famílias de baixa renda tenham acesso a uma alimentação de melhor qualidade, o leite é vendido pelos agricultores a preço justo, melhorando a concorrência dos mercados.

Depois de pasteurizado em laticínios cadastrados, o produto é transportado para os pontos de distribuição. Para receber o leite, a família deve ter, entre seus integrantes, crianças entre dois e sete anos, mulheres em fase de amamentação (até seis meses após o parto), gestantes e idosos a partir de 60 anos.

Convênio – Para garantir segurança alimentar às famílias de baixa renda, o MDS e o governo dos Estados conveniados estão finalizando termo aditivo para prorrogar a vigência do PAA Leite para dezembro de 2016. Com mais recursos dos governos estaduais e federal, as famílias beneficiadas terão a garantia do leite na alimentação por mais tempo.

Informações sobre os programas do MDS:
0800-707-2003
mdspravoce.mds.gov.br 

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021