Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2015 > Agosto > Debate aprofunda resultados de pesquisa do IBGE

Notícias

Debate aprofunda resultados de pesquisa do IBGE

Sexta com Debate

Gerente da Pesquisa de Informações Municipais e Estaduais 2014 apresentou como estão estruturadas as ações inclusão produtiva e segurança alimentar e nutricional nas prefeituras e governos estaduais
publicado  em 28/08/2015 15h40

Brasília, 28 – Os dados da Pesquisa de Informações Municipais e Estaduais 2014, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), foram apresentados nesta sexta-feira (28), em Brasília. A gerente da pesquisa, Vânia Maria Pacheco, destacou os resultados sobre inclusão produtiva urbana e rural e segurança alimentar e nutricional. 

A inclusão produtiva presente em 98,7% dos municípios brasileiros, independentemente do tamanho da cidade e da população, foi o dado que mais impressionou a pesquisadora. “Percebemos que para chegar a esta capilaridade, o governo federal e os estados apoiaram aos municípios. O próximo passo para aprimorar as políticas deve passar pela apuração da qualidade das ações desenvolvidas.” 

Leia também:
- Inclusão produtiva está presente em 98,7% dos municípios
- Munic 2014: 61,2% das prefeituras desenvolvem atividades de educação alimentar


Segundo o diretor de Inclusão Produtiva Urbana do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Luiz Muller, os dados mostram que estados e municípios entenderam os papéis de cada um na capacitação profissional da população. “Por meio do Pronatec [Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego], eles têm proporcionado um acesso dos beneficiários de políticas sociais e de baixa renda ao mercado de trabalho, a microcrédito orientado e à possibilidade de se tornarem microempreendedores individuais.” 

Segurança Alimentar – Vânia também ressaltou o crescimento da estrutura pública que trata da segurança alimentar e nutricional nos municípios, que subiu 10% em relação à pesquisa de 2012. “Isso reflete o momento em que vivemos, no qual as pessoas estão mais preocupadas com a saúde, com o que comem. Isso se transfere para a gestão dos municípios.” 

Segundo o secretário nacional de Avaliação e Gestão da Informação do MDS, Paulo Jannuzzi, a pesquisa é valiosa, porque lança um olhar sobre a gestão na qual se apoiam as políticas públicas brasileiras. “Isso nos permite conhecer o que estados e municípios estão fazendo, como estão alocando os recursos e como executam as ações.” 

Informações sobre os programas do MDS:
0800-707-2003
mdspravoce.mds.gov.br