Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2014 > Outubro > Encontros técnicos discutem aperfeiçoamento da gestão do BPC

Notícias

Encontros técnicos discutem aperfeiçoamento da gestão do BPC

BENEFÍCIO DE PRESTAÇÃO CONTINUADA

Um dos objetivos é ampliar ações para orientar idosos com mais de 65 anos e pessoas com deficiência sobre o Benefício de Prestação Continuada
publicado  em 08/10/2014 00h00

Brasília, 8 – Gestores da assistência social estão discutindo em todo o país o aperfeiçoamento do Benefício de Prestação Continuada (BPC). Eles participam de reuniões técnicas com objetivo de definir as atribuições de cada órgão para a requisição, a concessão e o acompanhamento do benefício. Criado há quase 20 anos, o BPC atende mais de 4 milhões de idosos com mais de 65 anos e pessoas com deficiência.


Ao participar da reunião técnica em Brasília, a diretora do Departamento de Gestão do Sistema Único de Assistência Social do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Simone Aparecida Albuquerque, destacou que as reuniões também vão aprimorar o diálogo com os municípios. “Queremos que a população seja acolhida e receba a informação correta sobre o BPC”, disse ela, nesta quarta-feira (8).

Simone lembrou ainda que os municípios estão sendo orientados a ampliar as ações de Busca Ativa. “Muitas pessoas que devem receber o benefício não o recebem por falta de informação. Por isso, os gestores municipais estão sendo orientados a encontrar esses cidadãos.” As reuniões são promovidas pelo MDS, em parceria com o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Os próximos encontros serão realizados em Belo Horizonte e em Recife.

O BPC é um benefício individual, não vitalício e intransferível, que garante o pagamento mensal de um salário mínimo ao idoso com mais de 65 anos e à pessoa com deficiência, desde que eles não possuam meios de garantir o próprio sustento, nem tê-lo provido por sua família. Para receber o benefício, a renda mensal da família deve ser inferior a ¼ do salário mínimo (R$ 181) por pessoa.

Central de Atendimento do MDS:
0800-707-2003

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021