Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2014 > Novembro > Caisan discute novos desafios de segurança alimentar

Notícias

Caisan discute novos desafios de segurança alimentar

SEGURANÇA ALIMENTAR

Ações e agenda para os próximos anos também foram abordadas em reunião ordinária da câmara interministerial
publicado  em 13/11/2014 00h00

Brasília, 13 – A Câmara Interministerial de Segurança Alimentar e Nutricional (Caisan) promoveu nessa quarta-feira (12) a 16ª reunião ordinária. Os novos desafios de segurança alimentar e nutricional e as agendas para os próximos anos foram o foco da plenária.

Na ocasião, a diretora de Estruturação e Integração de Sistemas Públicos Agroalimentares do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Michele Lessa, destacou os avanços do último período na redução da fome e reafirmou a necessidade da estratégia de busca ativa para a inclusão dos povos e comunidades tradicionais nos programas de segurança alimentar e nutricional.

Segundo ela, com o Brasil fora do mapa da fome agora é preciso buscar esse segmento populacional, onde ainda se concentram brasileiros que permanecem subalimentados. “Vamos continuar avançando na busca ativa de famílias de povos e comunidades tradicionais, a fim de incluí-las em programas de segurança alimentar e nutricional”, completou Michele.

A presidente do Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea), Maria Emília Pacheco, também participou da reunião. Ela falou sobre o próximo encontro do conselho que terá como tema a segurança alimentar e nutricional nos centros urbanos. A presidente espera que as discussões sobre o assunto se transformem em recomendações para a Caisan.

Clima –
Representante da Secretaria de Mudanças Climáticas e Qualidade Ambiental do Ministério do Meio Ambiente, Nelcilandia Kamber, compareceu à plenária para solicitar a participação da Caisan na elaboração do Plano Nacional de Adaptação às Mudanças Climáticas. “Queremos identificar os riscos que as mudanças climáticas possam trazer para a segurança alimentar e ver novas oportunidades por meio da nova geografia de produção agrícola”, explicou.

Central de Atendimento do MDS:                
0800-707-2003

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021