Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2014 > Novembro > “Temos consciência de que, se desmatarmos, não teremos mais terra para cultivar nossas plantações”

Notícias

“Temos consciência de que, se desmatarmos, não teremos mais terra para cultivar nossas plantações”

PLANO BRASIL SEM MISÉRIA

Beneficiária do Bolsa Família e do Bolsa Verde, Luceildes Maciel planta mandioca, milho, arroz e banana em áreas de capoeira no interior do Acre
publicado  em 13/11/2014 00h00

Brasília, 13 – Para chegar até a comunidade onde a ribeirinha Luceildes Fernandes Maciel, 38 anos, vive com a família, são quatro horas de barco a motor, partindo do município de Mâncio Lima (AC). Mãe de quatro filhos, ela planta, junto com o marido, milho, mandioca, arroz e banana. O rio Moa dá o peixe.

A família é beneficiária do Bolsa Família e do Bolsa Verde, programa do Plano Brasil Sem Miséria que incentiva a conservação do meio ambiente e a melhoria das condições de vida de quem vive da floresta. Luceildes recebe R$ 300 a cada três meses e planta apenas em áreas de capoeira, distantes duas horas a pé de sua casa.

"Temos consciência de que, se desmatarmos, não teremos mais terra para cultivar nossas plantações." Questionada se um dia ela pensa em sair da beira do rio Moa, ela diz: “Nem pensar. Sou feliz aqui. Tenho tudo.”


Antes de entrar para o Bolsa Família, a família vivia apenas da agricultura. "Tínhamos o alimento, mas precisávamos ir até a cidade tentar vender nossa farinha de mandioca", conta ela. “A produção era pra comprar o que faltava. Agora, podemos fazer compras na cidade sem preocupação."

Aos poucos, a ribeirinha melhorou sua casa de madeira. São três quartos, todos com cama. Na sala, não faltam sofá e televisão; na cozinha, fogão, geladeira e freezer. Luceildes conta que, com os benefícios, consegue ajudar as duas filhas casadas. “Consegui comprar o enxoval dos meus dois netos graças ao dinheiro do Bolsa Família.”

Central de Atendimento do MDS:
0800-707-2003

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021