Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2014 > Dezembro > Vídeos retratam a transformação da vida no Semiárido com o acesso à água

Notícias

Vídeos retratam a transformação da vida no Semiárido com o acesso à água

CONVIVÊNCIA COM A SECA

Produção do MDS traz depoimentos de sertanejos beneficiados pelas políticas públicas do Brasil Sem Miséria
publicado  em 15/12/2014 00h00


Brasília, 15 – A relação das políticas públicas de promoção da convivência com o sertão e a transformação provocada por elas na vida de milhares de moradores dessa região do Brasil são o mote de três vídeos com o tema Inclusão Produtiva Rural e a Promoção da Segurança Alimentar e Nutricional na Região do Semiárido. A produção é do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), em parceria com o Programa Mundial de Alimentos (PMA) da Organização das Nações Unidas (ONU).

Assista aqui aos vídeos:


Os vídeos revelam a história de cidadãos que viviam em condições de extrema pobreza e sem acesso à água em casa. Diante da seca constante e da escassa chuva no sertão, chegavam a caminhar muitos quilômetros em busca de água em poços de barro para o preparo do alimento, o higiene pessoal e a limpeza das casas.

Com acesso a programas do Plano Brasil Sem Miséria, por meio de ações como a construção de cisternas, as vidas de milhares de famílias vêm sendo transformadas, inclusive com a produção de alimentos e aumento de renda – neste caso, viabilizados pelo Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais.

Boa parte desta transformação tem sido realizada a partir da garantia do acesso à água – um direito fundamental – e de outras ações que promovem a convivência com a seca – e não mais o “combate” a este fenômeno, que, no Semiárido não é isolado, mas uma característica regional – dando condições para milhões de famílias viverem em sua terra, de forma digna.

O Plano Brasil Sem Miséria é uma estratégia do governo federal lançada em 2011, estruturada em três frentes fundamentais para a erradicação da extrema pobreza no Brasil: garantia de renda, acesso a serviços públicos (como educação, saúde, saneamento e energia elétrica) e inclusão produtiva, tanto urbana quanto rural.

Central de Atendimento do MDS:
0800-707-2003

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1021