Você está aqui: Página Inicial > Área de imprensa > Notícias > 2014 > Dezembro > Tereza Campello é confirmada como ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome

Notícias

Tereza Campello é confirmada como ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome

MINISTRA

Economista esteve à frente das principais políticas sociais do governo federal, como o Plano Brasil Sem Miséria, durante o primeiro mandato da presidenta Dilma Rousseff
publicado  em 31/12/2014 00h00

Brasília – A ministra Tereza Campello foi confirmada para mais um mandato no Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). O anúncio foi feito pelo Palácio do Planalto nesta quarta-feira (31), por meio de nota oficial. Campello assumiu pela primeira vez a pasta em de janeiro de 2011, no início do primeiro mandato da presidenta da República, Dilma Rousseff.

Durante a primeira gestão à frente do MDS, Tereza Campello liderou a coordenação do Plano Brasil Sem Miséria que, dividido em três eixos – garantia de renda, acesso a serviços e inclusão produtiva -, cumpriu todas as metas: mais de 22 milhões de pessoas foram mantidas fora da linha da extrema pobreza, quase 1,4 milhão de famílias pobres foram localizadas por meio da estratégia de Busca Ativa mais de 1,5 milhão de matrículas foram realizadas nos cursos de capacitação do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) Brasil Sem Miséria. 

O Brasil Sem Miséria possibilitou ainda que 702 mil crianças beneficiárias do Programa Bolsa Família fossem matriculadas em creches e 9,1 milhões de doses de sulfato ferroso, distribuídas para menores de dois anos.

No semiárido, foram entregues mais de 771 mil cisternas para o consumo humano e outras 98,5 tecnologias sociais para apoiar a produção no semiárido. Também no campo, mais de 354 mil agricultores familiares receberam assistência técnica e extensão rural por meio do Programa Fomento às Atividades Rurais e quase 370 mil casas receberam energia elétrica com o Programa Luz Para Todos.

Os efeitos das políticas sociais brasileiras possibilitaram à ministra do Desenvolvimento Social presenciar a saída do Brasil do Mapa da Fome das Nações Unidas, em 2014, segundo a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO). Relatório da organização apontou uma queda de 82% da população de brasileiros considerados em situação de subalimentação entre 2002 e 2013. 

Tereza Campello é economista e participou da equipe de transição da primeira gestão do governo de Luiz Inácio Lula da Silva, compôs a coordenação do grupo de trabalho que concebeu o Programa Bolsa Família e foi subchefe adjunta de Articulação e Monitoramento da Casa Civil. 

Currículo:
Saiba mais sobre a ministra

Central de Atendimento do MDS:
0800-707-2003 

Informações para a imprensa: 
Ascom/MDS 
(61) 2030-1021
www.mds.gov.br/saladeimprensa